O Cinema Pode Combater as Fake News?

53ª edição do Festival de Cinema de Solothurn, uma das mais tradicionais mostras cinematográficas da Suíça.

53ª edição do Festival de Cinema de Solothurn, uma das mais tradicionais mostras cinematográficas da Suíça.

O cinema pode combater as Fake News? Foi a questão levantada na abertura da 53ª edição do Festival de Cinema de Solothurn, uma das mais tradicionais mostras cinematográficas na Suíca. Esta editoria, denominada Pensamento, publicará temas que despertem a reflexão sobre o audiovisual, este é seu objetivo. Você aluno, ex-aluno, professor, ex-professor, colaborador pode participar desta seção enviando sugestões, artigos.

O importante é que além de fazer cinema, se pense o cinema, como bem explicita o lema da Escola de Cinema Darcy Ribeiro: pensando e fazendo cinema no Brasil. O pensamento crítico no audiovisual é requisito basilar.

A notícia chamou a atenção desta editoria, mas passou despercebida da imprensa. Talvez por ter vindo de um país que, apesar de ser muito conhecido, não tem presença expressiva na mídia brasileira.

O ministro da Cultura e presidente da Suíça, Alain Berset, ao abrir a 53ª edição do Festival de Cinema de Solothurn, uma das mais tradicionais mostras cinematográficas do país, destacou o papel dos filmes no combate às ‘fake news’ (notícias falsas) e à desinformação nas mídias. É um tema que nos faz pensar, sem dúvida.

Em uma época onde a “onda pós-factual” varre o mundo, Berset disse que “o cinema pode nos transformar em observadores participantes, sem comentários ou codificação ideológicos”.

Como exemplo, Alain Berset citou o filme de abertura deste ano para o festival, o documentário em francês “A l’école des Philosophes” (“Na escola dos filósofos”), que explora o cotidiano de uma escola para crianças deficientes.

Berset disse que vê o filme como uma forma de unir a sociedade suíça, acrescentando que a iniciativa popular a ser votada em 4 de março, chamada “No Billag”, para eliminar as tarifas de rádio e TV públicas põe em risco essa coesão. O resultado da votação afetará a Spciedade Suíça de Radiodifusão e Televisão.

O Festival de Cinema de SolothurnLink externo apresentará 159 filmes em oito dias, dos quais 28 são estréias mundiais. O festival é considerado o principal evento do ano para a estreia de filmes suíços.

O importante tema nos faz pensar.

Fonte: SDA-ATS/vdv

Posts Relacionados